segunda-feira, 30 de abril de 2012

Miss 404

Certamente você deve conhecer essa loirinha sapeca...


Aposto que você já passou por essa situação. Ou você digitou algum endereço errado lá em cima na janela do navegador, ou tentou acessar aquele link empoeirado que está na sua pasta Favoritos há um bom tempo, para então descobrir que aquela página que você estava querendo ver não existe mais. Muitas vezes, o suficiente para deixá-lo puto dentro das calças, como aconteceu comigo outro dia ao tentar ver um site que falava de jogos antigos.

Pensando na integridade de computadores por todos os quatro cantos do mundo, alguém teve essa brilhante idéia de colocar uma página com links com a foto de uma bela loirinha sorridente, o suficiente para acalmar a ira daqueles que se deram de cara com uma página vencida.


Apenas para deixar claro, a imagem acima eu achei da Internet. Antes que venham me chamar de tarado por estar procurando pelo site adultdreamhost.com...

O mais engraçado é a história por trás de tudo isso. O nome da menina é Hannah Steeler, e foi fotografada por seu irmão mais velho. Você pode inclusive ver outras fotos que ele tirou de sua irmãzinha aqui. Aí não sei se ele vendeu mesmo a foto ou um babaca que estava afim de colocar uma imagem nos seus sites sem-vergonhas, criados com a intenção de jogar links na nossa frente quando apertamos uma tecla errada, simplesmente chegou e pegou a foto.

Interessante, não? Fico me perguntando se a garota imaginava que ela se tornaria assim tão "famosa" na Internet...

domingo, 29 de abril de 2012

Bacalhau Freguês


Já era esperado... Quando Botafogo e Vasco se enfrentam, os bacalhaus tremem! Mais um título pro alvi-negro, único time dos grandes invictos nesse ano, com uma campanha irretocável! E agora que venha o Florminense!

Dá até pena, o vasquinho não consegue se livrar dessa sina de vice, parece que o segundo lugar sempre os acompanha! Bem feito, time cheio de metidos arrogantes, que partiram pra violência contra os jogadores alvi-negros, aprende a jogar bola bando de filho da puta! Só sei que amanhã é dia de zoar os portugas, de vestir o manto botafoguense e comer bolinho de bacalhau...


E só como saideira, só um recado para a mulambada flamenguista, que provavelmente devem estar ao mesmo tempo sacaneando os vascaínos e menosprezando o título do Botafogo. Torcedor de timinho de araque, colecionador de vexames e que está agora de férias jogando pelada no aterro porque foi tri-eliminado em alguns meses não tem direito nem moral pra zoar ninguém, falou?


sexta-feira, 27 de abril de 2012

Passageiros Apressados

Já comentei sobre isso várias vezes, que sou um texugo muito observador, e muitas vezes me vejo perdido em pensamentos sobre pequenas coisas do cotidiano, que me fazem divagar sobre diversos assuntos. E na maioria das vezes, sempre é algo que me faz desanimar cada vez mais com o ser humano em geral, me deixando com mais nojo da sociedade. Sério, acho que se eu continuar assim, vou acabar indo morar no mato!

A situação de hoje ocorreu em mais uma de minhas viagens pelo "fantástico" metrô do Rio de Janeiro. Embora eu normalmente use o ônibus para ir e vir do trabalho e nas minhas saídas, cada vez mais tenho feito meus deslocamentos por baixo da terra. Mesmo sabendo que andar no metrô aqui é um verdadeiro inferno e um teste de nervos, como já comentei nessa postagem de alguns meses atrás.


Quem anda de metrô aqui na Cidade Maravilhosa sabe a loucura que é... Empurra-empurra, super-lotação, ar condicionado ruim, uma merda! Mas o pior mesmo são as pessoas. O metrô consegue apresentar uma concentração absurda de gente mal educada e filha da puta por metro quadrado! Sério, só dá pra encarar arrumando um canto longe do caminho, com um sonzinho no ouvido e olhando para o teto, minimizando assim ao máximo qualquer contato humano...

Mas tem horas que eu fico observando ao meu redor, nesses meus momentos de divagação sobre como o povo brasileiro é uma merda. E em um desses dias, em uma situação na qual eu observava a peculiar fauna que transita pelos vagões do metrô, observei um espécime curioso e cada vez mais comum. Já cheguei a falar dele na postagem mencionada, mas o comportamento dessa criatura me deixou tão abismado que decidi fazer uma análise mais aprofundada de seus hábitos mal educados...

Pois bem, deixa primeiro eu esboçar a cena. Estava eu pegando o metrô em direção à Tijuca, onde tinha que fazer uma consulta médica pela manhã. Mas já depois do horário do rush, logo o vagão estava com uma ocupação razoável. Eu estava no meio do vagão, encostado naquele lugarzinho estratégico entre a porta e os bancos de lado, fora do caminho e bem debaixo de uma saída de ar condicionado. Na mesma estação, entrou então o "espécime" observado nesse episódio: o bostinha aspirante a advogado.


Você deve conhecer o tipo: aqueles sujeitinhos com ar arrogante morador de Ipanema ou Leblon, com o cabelinho cheio de gel, devidamente trajados no terno e gravata que a mamãe lavou e passou, mochila nas costas atrapalhando todo mundo, e exibindo para todos o iPhone branco que o papai deu de presente de Natal, com aquela expressão metida, se achando melhor que todos ali só porque está cursando uma faculdade particular furreca de Direito. Sinceramente, um tipo de gente que me dá vontade de encher de porrada.

Antes que apareçam os engraçadinhos querendo duvidar da minha masculinidade, não percebi o sujeito porque fiquei o admirando. Foi porque o filho da puta entrou todo expansivo e tempestuoso como um marreco assustado pela porta do vagão, quase me atingindo. Claro, lembre-se que o metrô faz alguma prática macabra lançando no sistema de ventilação de suas estações substâncias que fazem a maioria das pessoas ficar estupidamente apressadas. Enfim, o maldito entrou no vagão e se dirigiu para a parte traseira, onde haviam ainda bancos livres.

A viagem continuou, com o vagão ainda relativamente tranquilo. Após sair da estação Glória, pelo canto do olho percebi o boyzinho se levantando de maneira explosiva, jogando a mochila para um lado e para o outro de maneira escandalosa. E então ele veio ali andando pelo corredor do vagão, atravessando praticamente toda a sua extensão, para se posicionar na outra ponta do vagão, com os beiços encostados na porta.


Sim, eu já havia falado sobre essa situação. São as pessoas que, mesmo estando a dois pentelhésimos de uma das portas, atravessa o vagão para sair por uma porta que vai estar mais próxima da saída. Apenas para situar, eu estava no vagão-locomotiva, o primeiro da composição. e justamente na próxima estação, da Cinelândia, as escadas ficam nas pontas da plataforma. Ou seja, saindo pela primeira porta você fica mais perto das escadas, o que motiva muitos energúmenos a atravessar todo o vagão. Claro, e sem se preocupar se o vagão está lotado, nem que tenha que sair abrindo caminho e empurrando a todos.

Aí é que então comecei a pensar sobre o assunto. Afinal de contas, o merdelhel engravatado foi apenas o que observei naquele dia, diria que não tem uma vez que eu ande de metrô que não veja alguém fazendo algo parecido. Por que diabos as pessoas fazem isso? O que elas ganham fazendo isso?

Bom, aí pegue um texugo que se revolta e se emputece com a estupidez alheia, com muita curiosidade e tempo livre... e temos essa avaliação... Com a ajuda desse site aqui, onde cheguei a arrumar as plantas do vagão do metrô, e uma calculadora, vamos fazer uma breve análise dessa situação.


Pela figura, você pode ver que o vagão tem um pouco mais de 21 metros. Pegando as medidas, se formos ver a distância entre as portas mais extremas, estamos falando de mais ou menos 12 metros (duas vezes a dimensão de 5,106 metros das partes das janelas e bancos e somando com os 1,87 metros da porta central).

Bom, para começo de conversa já podemos dizer que um apressadinho que fica atravessando todo o vagão provavelmente não está querendo encurtar o seu percurso. E se ele pensa que está andando menos por isso, é um calhorda imbecil sem cérebro que merece ser devorado por um bando de abutres peçonhentos depois de levar uma surra! Afinal de contas, se o cretino sair pela porta de trás, vai ter que andar os mesmos 12 metros na plataforma para chegar no mesmo lugar que ele sairia se tivesse saído pela porta da frente...

Isso nos leva a pensar que a razão principal é mesmo a economia de tempo... Não te disse, que no metrô todo mundo fica apressadinho?


Agora vamos considerar o seguinte: um ser humano normal tem uma velocidade média de caminhada de em torno de 1,5 metros por segundo. Isso sem contar as pessoas mal-educadas fechando a passagem pelo corredor do vagão.

Lembrando lá das distantes aulas de física, podemos dizer que pegando a distância e dividindo pela velocidade, saberemos o tempo necessário para percorrer aquela distância. Aí é só pegarmos lá a calculadora do Windows para fazer essa continha bunda (poderia fazer de cabeça, mas estou com preguiça) e chegamos a um tempo de 8 segundos...

 
Sério, 8 segundos...

Então, podemos concluir que as pessoas se espremem dentro do vagão para sair por uma determinada porta para economizar meros 8 segundos...

Claro, isso considerando o cenário mais evidente, onde o sujeito está nos fundos do vagão e quer sair pela frente. Se a criatura está, por exemplo, perto da porta dos fundos e anda os aproximadamente 6 metros para chegar na porta do meio, caso ela seja mais perto da saída... Estamos falando de uma enorme economia de 4 segundos! Sim, quatro míseros segundos!

Sei lá, eu não entendo essas coisas... Pra que tanta pressa para economizar tão pouco tempo, pela madrugada! Eu entenderia se fosse uma economia de 10, mesmo 5 minutos... Mas é necessário tudo isso para ganhar singelos segundos? Puta que pariu, as pessoas estão muito apressadas que estão exagerando, até parece que vai fazer alguma diferença...

terça-feira, 24 de abril de 2012

Barbie de verdade

Notícia que apareceu em vários sites no início dessa semana.


Realmente a notícia cai bem na categoria do site acima, é bizarro ver como a garota parece mesmo uma boneca. Tem gente que nem acredita, acha que ela mais parece uma montagem de Photoshop e que seria impossível existir alguém assim. Outros até acreditam que ela seja real, mas condenam a atitude dela de ter se moldado na base da cirurgia plástica para ficar igual à boneca mais famosa do mundo. E uma minoria aplaude, dizendo que ela é muito bonita, parecendo mesmo a Barbie.


Sei lá, não acredito que seja necessariamente uma montagem de Photoshop, embora já quebrei a cara vergonhosamente alguns dias atrás, como comentei nessa postagem. Mesmo assim, arrisco dizer que a jovem Valeria Lukyanova é real sim, apesar de suas fotos trazerem uma certa dose de ajustes, certas vezes exagerada. Muitas fotos são pouco naturais, mas pode ser que seja proposital mesmo, a menina parece estar brincando de modelo, e com isso o fotógrafo cria aquele cenário montado. Sem falar que aposto algum dinheiro que esses olhos são perfeitos demais, devem ser lentes de contato. Mas isso faz parte, não vejo nada de muito abominável em alguns retoques, sejam eles digitais ou físicos. Injusto o pessoal ficar crucificando a menina.


Sobre a aparência dela, tudo bem que não é o visual típico de uma mulher, mas já vi meninas de cinturinha bem fina, não é tão surreal assim. Ainda mais se a garota é adepta de um corpete para moldar as suas costelas. Até acho relativamente bonito, mas imagino que deve ser um certo desconforto para a mulher, principalmente se ela não estiver fisicamente preparada para isso. Como deve ser para andar de salto, que deve exigir um constante equilíbrio para que ela não se estabaque com as fuças no chão.


Sério, o sofrimento físico que as mulheres passam para se sentirem bonitas. Algo a se aplaudir, tem que ter muita força de vontade para isso...

Seguindo com a aparência da bela russa, sobre o par de peitos generosos (e bem bonitos diga-se de passagem), não vou afirmar logo de cara que eles não sejam naturais, precisaria de uma avaliação mais científica e sensorial com minhas mãos para poder dizer com certeza se tem ou não silicone...


Eu sei, piadinha escrota pra burro! Continuemos...

Mas, qual o mal nisso? O que mais tem hoje é mulher com peitos siliconados, mais que político corrupto em Brasília. Pombas, nada demais... Eu já mencionei aqui uma vez, os seios são na minha opinião a parte mais feminina do corpo de uma mulher, logo qual o problema nela querer dar uma ajeitada neles, para ficarem do jeito que ela quer? Guardadas as devidas proporções (com trocadilho, por favor), é como quando a garota vai no cabeleireiro para dar uma arrumada nos cabelos. Lógico que dar uma aumentada no tamanho dos peitos é algo feito com uma frequência estrondosamente menor do que mudar a cor dos cabelos ou o penteado...

O que é ridículo, na minha opinião, é quando a mulher exagera... Como aconteceu com aquela "modelo" brasileira, cujos peitos tinham mais de um litro de silicone e quase explodiram...  


Bom, sejam de verdade ou de mentira, certamente o busto da menina é de deixar o queixo caído, escorrendo rios de baba pelos cantos da boca...


Soma-se a isso o fato de que a garota é russa... Sério, embora eu viva no país onde dizem que estão as mulheres mais lindas do mundo, na minha singela opinião as garotas que vêm da Rússia, Ucrânia ou de qualquer ex-república soviética ou país do Leste europeu são escandalosamente lindas. Não sei o que tem nelas, é como se houvesse uma aura de encanto ao redor delas, deve ser a origem eslava que as torna lindas. Acho que se eu continuar quebrando a cara com as garotas daqui, acho que vou acabar chutando o balde e indo num desses sites para receber uma noiva russa por encomenda...


Eu disse isso em voz alta? Bem... Vamos fingir que não disse isso e continuar a falar a Barbie russa...

Mas o que dizer dos retoques eletrônicos? Muita gente fala que é puro Photoshop. Cara, Photoshop tem sim, claro, mas pelo que imagino apenas a ponto de deixar a imagem mais limpa e chamativa. Não diria que os retoques foram a ponto de dar uma reduzida na cintura e uma incrementada nos peitos da loirinha, foi só para dar uma "limpada" na imagem... 

Qual foi? E isso aqui não tem problema? Aqui tem mais Photoshop que a loja da Adobe...


Sério, essa é a coisa mais comum que se faz desde quando inventaram a fotografia. Mesmo no passado, sem os recursos digitais que temos hoje, já haviam truques com a revelação e mesmo a iluminação para tentar esconder pequenos defeitos ou deixar as fotos mais atraentes. Sugiro as visitantes do sexo feminino pegarem uma de suas revistas como Boa Forma ou Nova, veja a personalidade da capa e sem dúvida fica evidente que houve alguma manipulação da foto. Para os visitantes do sexo masculino, pode ser a capa da Playboy ou da Sexy, e verá a mesma coisa...

Ainda mais hoje, com essas babaquices como Instagram e outros programinhas que fazem toda a edição sozinhos. Agora um puto que nunca pegou numa câmera na vida consegue criar uma obra de arte fotográfica, e ainda fica se achando o grande fotógrafo...


Com isso, não me venham com essa babaquice de que "ah, a foto é toda retocada, ninguém é tão bonita assim"... Antes de falar uma dessas, vai ver se no seu álbum do Facebook não tem uma foto dessas toda mexida como a aí de cima, seu mané! 

E só pra calar a boca de muita gente, vão aí algumas fotos da menina, porém bem mais naturais, sem todaa maquiagem e retoques.

 

Na minha opinião, cada um tem o direito de fazer o que quiser... Não sou desses hipócritas que adora condenar as pessoas por fazerem certas coisas tidas como absurdas. A garota é maior de idade, se ela quer ser uma Barbie de carne e osso, se é isso que ela quer, qual o problema? Lógico, deve ter as suas consequências, mas isso é responsabilidade dela.

Afinal, melhor uma bela loirinha russa (ou ucraniana, não sei) que quer parecer com a Barbie, do que ver um boiolinha que queira se transformar no Ken... Ou um G.I.Joe humano... 

Enfim, pode ser que ela tenha moldado seu corpo, pode ser que as fotos tenham levado uma boa dose de retocagem... Mas diria que eu gostaria de brincar com essa boneca.

Como saideira, para aqueles que acham que uma mulher assim não existe, e mesmo para aqueles que acham ridículo que eu, um texugo brasileiro, venha a ficar me derretendo por uma menina russa. Em matéria de loira olhos azuis, peitos gigantes, cinturinha fina e jeito de boneca, estamos bem servidos por aqui com a Ellen Roche...

domingo, 22 de abril de 2012

Chora mais uma vez mulambada!

Semifinais da Taça Rio, com os times lutando para enfrentar o Florminense na final do estadual. Primeiro foi o Botafogo, que passou pelo surpreendente Bangu nesse sábado. Vamos lá Fogão, rumo à mais uma final! Só precisa é o Loco Abreu deixar de lado essa de cobrar pênalti, porque tá foda! Cinco cobranças seguidas que não foram convertidas, puta merda... Mas tudo bem, vou usar as mesmas palavras que ele respondeu pra repórter ontem no jogo:

"Procure saber quando foi a última vez que um jogador fez três gols em uma semifinal!"

Mas o jogo mais aguardado era a semifinal entre Vasco e Flamengo, depois daquele jogo onde os bacalhaus fora descaradamente roubados. Confesso que estava com um pé atrás, depois de saber que o árbitro escalado para essa partida era um velho conhecido nosso...

Acontece que 2012 vai ser o ano... O ano onde vai ser difícil parar de zoar os mulambos! O Vasco ganhou de 3 a 2, e a Flamengada mais uma vez em lágrimas!


Mas confesso que fiquei um pouco chateado... Queria que o Framengo tivesse ganho, pois ia ser muito mais legal ganhar o título em cima dos mulambos. Mas ainda temos todo o ano, são mais dois jogos que teremos pelo brasileiro, e ainda acredito em ver na última rodada o Botafogo rebaixando o Flamerda!

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Datas de Abril

Interessante observar como o povo brasileiro é, quando o assunto é datas comemorativas. Por exemplo, você faz idéia do que é o dia de hoje? Vou dar uma dica...


Não, não é o aniversário da Pocahontas, mas sim o Dia do Índio! Sim, data comemorativa destinada a lembrarmos daqueles que são os habitantes originais desse país, e que hoje largaram o cocar e o arco e flecha para invadir fazendas e andar de carrão...

Só que ninguém lembra dos índios nesse dia... Apenas as escolas primárias e o Jornal Hoje, sempre com as suas matérias padrão para encher linguiça. Mas só eles mesmo, pois em geral a população está cagando e andando para o índio...


Sabe por quê? Porque o Dia do Índio é só uma data comemorativa, e não um feriado! O que eu acho uma sacanagem... Não apenas pela falta de consideração com os indígenas: afinal, por que os negros têm direito a um feriado em nome deles e os índios não? Mas também porque seria muito bom ter um feriado prolongado...

Sério, se 19 de abril fosse um feriado, aposto que ia se falar mais a respeito dos índios, brasileiro só se lembra do porquê de uma data se ela significar folga do trabalho ou da escola. O mais interessante disso tudo é que parece que a culpa disso é devido a outros feriados próximos. Afinal de contas, dois dias depois temos um feriado mesmo, de Tiradentes. E logo mais, pelo menos aqui no Rio, tem o de São Jorge. Parece que esses dois feriados acabam ofuscando o Dia do Índio...

E não só os pele-vermelhas... Por acaso você sabe o que aconteceu no dia 22 de abril, estrategicamente situado entre os feriados de Tiradentes e São Jorge?

É, foi o dia que descobriram essa bola de lama chamada Brasil... Mais uma data que passa despercebida... Coisas assim é que me fazem ter a certeza de que esse país vai pra frente. Realmente é de se orgulhar que a data quando o Brasil foi descoberto tem uma importância tão minimizada quando a atuação de um anão em um jogo de basquete. É uma pena, para o país como nação, que tais datas sejam vistas de forma tão insignificante...

Pior ainda é saber que se essas datas fossem feriados, teríamos todo mês de abril praticamente uma semana inteira de folga!

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Porque detesto o Flamengo

Ainda estou em euforia desde mais uma antológica derrota do menguinho, que conseguiu mais uma vez ser eliminado da Libertadores, e de forma bizonha. Foi simplesmente fantástico ver a mulambada eufórica, com a classificação nas mãos depois do gol de empate do Olímpia, desabar em prantos depois que o Emelec fez um gol aos 47 do segundo tempo. Essas derrotas bizarras e humilhantes, só mesmo o Flamerda...


Logicamente, no dia seguinte não perdi a oportunidade de zoar meus colegas flamenguistas, afinal de contas sempre é legal zoar os rubro-negros. Algo que está cada vez mais freqüente, nesse ano não faltaram motivos para sacanearmos os mulambos. Não só é engraçado bolar as mais diversas piadas, mas principalmente observar a revolta deles quando são sacaneados, as babaquices que eles falam para se justificar e para defender seu time ridículo.

Um colega de faculdade, flamenguista doente, foi um dos que se emputeceu comigo, ficou brabo com as minhas piadas, como quando disse que o Flamengo foi do céu ao inferno mais rápido do que fazer um miojo. Ele me xingou de tudo quanto é coisa, dizendo que eu era um babaca que gosta mais de ver o Flamengo perdendo do que o Botafogo ganhando, e falando que os anti-flamenguistas sempre torcem contra, enquanto que os flamenguistas não sacaneam os adversários quando perdem.


Ficou ainda mandando aquela típica frase que os flamenguistas adoram falar: "a derrota dos grandes repercute mais do que a vitória dos pequenos"... De fato, é que fica difícil parar de falar de uma grande piada!

Bom, pra começar, tem uma coisa que gosto mais do que ver o Flamengo perder... É ver o Botafogo ganhar do Flamengo!


Mas o cara foi muito hipócrita, não é mesmo? Já ouvi vários mulambos falarem isso, dizendo que eles não ficam zoando tanto os outros times... Palhaçada! É uma das razões pelas quais eu odeio certos flamenguistas, pois eles são muito filhos das putas, pois eles sacaneam sim! Por exemplo, até hoje eles ficam sacaneando o Botafogo, com aquela baboseira do chororô. Isso não é sacanear o time adversário? E o detalhe que isso não parte só dos torcedores, mas dos jogadores também! Bando de viados escrotos!


E olha quem fala... Afinal de contas, nos últimos anos o que eu mas tenho visto é mulambo chorando, depois de perder jogos de forma vergonhosa...


Um grande problema, que me deixa com raiva desse time escroto, é que os torcedores são muito metidos. Esse tipo de postura que eu citei é típica de flamenguista, achar escroto que zoem eles quando eles perdem, mas achando que não tem problema nenhum em chamar botafoguense de chorão e vascaíno de vice.

Ou quando é para falar de um campeonato que perderam ou do qual foram eliminados. É só ver, tem muitos flamenguistas que, mesmo depois dessa eliminação da Libertadores, menosprezam o acontecido, dizendo "ah, quem tem a maior torcida do mundo?" ou "Nóis somo équiça!" (traduzindo do flamenguês, "Nós somos hexa"), mostrando que além de reprovados em Língua Portuguesa os mulambos não sabem contar, pois pra mim quem é hexacampeão tem que ter ganho 6 vezes, e não 5...

Isso é muito comum no campeonato estadual... Quando eles ganham, ficam se achando, falam que são tantas vezes campeões, enaltecem o fato; quando outro time ganha, instantaneamente o estadual se transforma no campeonato menos importante da face da Terra. Como quando em 2010 o Botafogo foi campeão por antecipação em cima do próprio Flamerda, com direito ao pênalti humilhante do Loco Abreu de cavadinha e à defesa fantástica do Jefferson na cobrança do imperador de merda...


Não demorou, e logo os flamerdalhos vieram falar que Carioca não vale nada, embora eles estavam doidinhos para serem tetracampeões, feito só alcançado pelo alvi-negro. Falavam que o Flamerda era time de títulos importantes, e que eles estavam na Libertadores... Mas por pouco tempo, pois logo foram eliminados naquele ano também... Timinho escroto, o campeonato só é importante quando eles ganham...

Sem falar na arbitragem... Essa, sempre favorecendo os mulambos... Boa parte das vitórias e títulos desse time de escrotos foi graças ao apito amigo, expulsando jogadores do time adversário, anulando gols legítimos sofridos pelo Flamengo, sendo condescendente com as faltas dos urubus e inventando pênaltis. Principalmente quando são jogos do estadual, foram inúmeras vezes que Botafogo, Vasco e Fluminense foram descaradamente prejudicados pelo juiz...


Já citei aqui, na final de 2007, Flamengo e Botafogo estavam empatados em 2 a 2, e no finalzinho o Dodô fez um gol que daria o título. Mas como de costume, naquele dia os flamerdalhos estavam jogando com 13 em campo, um deles com um apito na boca e ouro com uma bandeirinha na mão. Graças ao Djalma Beltrame, o gol foi anulado, e ele ainda expulsou o Dodô, melhor cobrador de pênaltis do alvinegro, que viria a perder a decisão na sequência. Esse pelo menos foi preso, ladrão sem vergonha...

Outro exemplo, toda essa piada do chororô, que começou na final da Taça Guanabara de 2008. Nesse jogo, além de expulsar 2 jogadores do Botafogo, marcou um pênalti para os mulambos, que se ele usasse o mesmo critério teriam 50 pênaltis por jogo. Lógico, naquele momento o Botafogo ganhava por 1 gol, e o juizão queria ajudar com o empate. O nome do cretino: Marcelo de Lima Henrique, um filho da puta que já tem um longo histórico de coincidências, que sempre envolvem clássicos cariocas com vitórias suspeitas do Framengo. Tá aí o figura:


Precisa dizer mais alguma coisa?

E tantos outros exemplos, falar aqui das vitórias do menguinho com a ajuda da arbitragem daria uma sequência de trinta postagens. Isso não acontece apenas quando o juiz ou os banderinhas vestem a camisa rubro-negra por baixo do uniforme, mas por medo mesmo. Medo das represálias que podem acontecer ao fazer alguma coisa contra os mulambos. É a merda do futebol brasileiro, há muito mais por detrás do que é jogado entre as quatro linhas, e a política decide tudo.

Se o Flamerda se sentir prejudicado pela arbitragem, mesmo que o juiz esteja coberto de razão, o risco é grande de que os mulambos façam tudo para o cara ser punido. Principalmente se o jogo foi de um estadual, onde podem contar com o apoio da federação. Teve um juiz, não me lembro o nome dele, que em menos de 48 horas foi suspenso depois das reclamações da diretoria do Flamengo com a comissão de arbitragem. Mas, quando ocorre o contrário, ou seja, é outro time que vai criticar um juiz que favoreceu os urubus... É visto como choro de perdedor, fica por isso mesmo...

Isso ocorre por causa da força que a mulambada tem fora dos campos. Convenhamos, temos que admitir que o Flabosta tem uma grande força política no futebol brasileiro, e sempre consegue ser favorecido. Por exemplo, você acha que se chegar um belo dia, em um campeonato brasileiro, os mulambos forem rebaixados, o Flamerda iria jogar a série B? Duvido! E depois ainda criticam o que fizeram com o Fluminense. Consequência do menguinho ter uma grande torcida.

Sim, eu concordo que o Flamerda tem a maior torcida do Brasil mesmo, embora eu diria que desses torcedores boa parte na verdade torce para um time chamado Framengo... A grande maioria do povo brasileiro torce mesmo para o rubro-negro. Claro que, na maioria das vezes, a escolha do time do coração não é uma escolha, mas sim algo determinado pelos pais da criança. Não é surpresa que um pai urubu venha a convencer o seu filho a ser que nem ele...


Mas tem outras explicações... Pra começar, Flamengo (e também Corínthians) são os clubes mais amados pela bandidagem. Afinal de contas, tem tudo a ver, os mulambos ganham a maioria de seus jogos roubando, não é surpresa que os bandidos gostem desse time...


Outro grupo que costuma torcer para o Flamerdalho são os gays. Afinal de contas, a Flagay é a única torcida organizada gay do Rio de Janeiro. Talvez eles tenham essa preferência pois o Flamengo gosta de se fuder e tomar de quatro nos campeonatos sulamericanos...


Fora isso, o que acontece é que a maioria da população brasileira é burra... Povão, meu amigo, é burro! Não tem capacidade para ser original, é mais fácil ir com a maré, fazer igual a todo mundo. Tem muita gente que só torce pro Flamerdinha porque todo mundo torce...

Sério, eu acho muito mais verdadeiro o sujeito que torce para um time por alguma razão. Eu mesmo, por exemplo, torço para o Botafogo pois nasci e passei boa parte de minha vida morando nesse bairro. Legal é por exemplo o cara que mora nas Laranjeiras e torce pro Fluminense, o cidadão de descendência portuguesa que torce para o Vasco, o sujeito que mora em Volta Redonda e torce para o time local... Puta merda, acho até válido o bandido que torce pro menguinho por ser o time dos roubos, o que torça por que gosta das cores do uniforme...

Mas, torcer pro Flamerda só porque é para quem a maioria torce... Coisa de gente de baixa auto estima, sem personalidade, tudo um bando de "Maria-vai-com-as-outras"... De qualquer forma, é justamente por ter uma grande torcida que o Flabosta é exageradamente valorizado e descaradamente protegido...

Por exemplo, você tem alguma dúvida sobre quem é o time queridinho da Rede Globo?



Indiscutível! Afinal de contas, os caras não são bobos, eles querem apenas audiência, querem lucrar... Sabendo que a maioria da população torce para o Flamerdalhama, e que a imensa maioria dos torcedores faz parte das classes mais baixas da sociedade, e consequentemente não tem grana para assinar uma TV a cabo (embora mulambo que se preze não paga TV a cabo, faz gato NET e rouba o sinal), qual o time que vocês acham que a Rede Bobo vai dar o maior destaque?

Nunca me esqueço certa vez, estava vendo o jornal local da Globo de manhã cedo, e ia ter a sessão de esportes, apresentado por aquele réptil do PC Vasconcellos, que iria falar da rodada de fim de semana do campeonato brasileiro...


Sério, dos 10 minutos reservados para a matéria, foram praticamente 5 minutos dedicados ao Flamengo com todos os gols mostrados em replay, entrevistas e tudo mais, uns 3 para o Vasco, mostrando os gols, pouco mais de um minuto para falar do Fluminense, com a imagem de um gol só, e apenas alguns segundos citando que o Botafogo havia ganho, só falando o placar! Justíssima a divisão, né?

Acho isso uma sacanagem grande, uma falta de respeito com os torcedores dos demais times. Ao meu entendimento, a mídia deve ser imparcial, seu papel é dar a notícia de maneira objetiva e sem levar pelo lado de suas opiniões próprias. Mas é descarado como a emissora do plim-plim puxa o saco do Flabosta... Enaltece o time mesmo quando não está jogando nada, dá mais espaço na audiência, e por aí vai... Fica até visível quando vemos o jogo sendo narrado: quando é gol dos urubus, observe só a euforia do grito do narrador.

Ainda mais quando quem está narrando é essa criatura... Tinha que ser, para qual outro time você acha que esse animal iria torcer?


É foda... Timinho sem vergonha esse Flamengo... Time de jogadores, dirigentes e torcida arrogantes e metidos, que ficam se achando os fodões do futebol brasileiro mas não admitem que só conseguem isso com apoio extra-campo. Sempre tendo o apoio da arbitragem e ganhando títulos roubados, é um time que dá todos os motivos para odiar.

Mas temos que ser francos, além de todo essa desprezo e ódio, o menguinho também nos dá muitas alegrias! Sem dúvida, nada é mais engraçado do que ver os mulambos em prantos, perdendo jogos de maneira bizonha e inacreditável, coisas que só o rubro-negro é capaz de fazer. Ainda mais quando se trata de Libertadores... Ano passado os mulambos vieram me sacanear, dizendo que o Botafogo era timinho, que não tinha conseguido se classificar para a competição sulamericana. Só respondi com essa figura, que nunca fica velha...


Continue assim, Mengão! Sempre nos dando essas alegrias de ver vocês e seus torcedores uruburros pagando os micos mais bizarros da história esportiva!