quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Chora mais uma vez, mulambo!

E lá está ele aqui de novo, constantemente mostrando o seu rosto em prantos, após mais uma derrota do mais odiado do Brasil. Sempre é uma alegria muita grande quando ele aparece aqui, engolindo o seu orgulho exacerbado e a sua hipocrisia, se arrebentando depois de cantar vitória antes do tempo. Nessa quarta-feira 27 de setembro, vimos mais uma vez o Flamerda dando adeus a um título, ao perder para o Cruzeiro a disputa de pênaltis que decidiu a Copa do Brasil


É simplesmente sensacional, fantástico. Como sempre, os mulambos cantando vitória antes da hora, achando que ia ser moleza. Eu em particular, torcedor do Botafogo, fiquei ainda mais contente com a queda dos urubus, depois de ter sido zoado por eles, me chamando de chorão. Acontece que aquele que chora por último, chora com mais dor. Vieram com aquele papinho de que eles têm o Guerrero artilheiro, mas que passou em branco; que nos pênaltis ninguém é melhor que o Muralha, que toscamente pulou só para o mesmo lado, demonstrando assim que técnica não tem nenhuma; e enaltecendo o "reizinho" Diego, amado pelas flamenguistas, que foi o vilão da eliminação ao perder o pênalti.

Em pleno São Cosme e Damião, ficaram mais uma vez só no cheirinho!


Algo curioso a se comentar sobre esse jogo é como a Rede Globo é extremamente parcial. Era nítido que torciam para o menguinho, bando de filhos das putas. E isso ficou evidente no último pênalti, em que o atacante do Cruzeiro escorregou mas mesmo assim converteu, e prontamente os jogadores mulambos disseram que ele tinha dado dois toques, o que invalidaria o lance.


Embora o uso de recurso de televisão para lances duvidosos ainda não tenha sido oficializado, a emissora do plim-plim tentou acudir o seu querido flamerdaço. Afinal de contas, se houvesse qualquer remota possibilidade de comprovar um lance duvidoso em favor dos rubro-negros, iriam aproveitar, em nome da justiça, para garantir um resultado honesto. Enquanto que quando o lance duvidoso é em favor do adversário, aí não pegam imagem do vídeo, e os comentaristas pregam que a polêmica dá graça ao futebol.

Acontece que pegaram o vídeo, viram que o cara não deu dois toques coisa nenhuma, e aí tiveram que meter o galho dentro...

Chora mulambada! Chora bastante, que vocês merecem!

Nenhum comentário: